Reforma

O lado nada glamuroso da reforma (aquele que todo mundo esquece de falar)

May 13, 2016
tumblr_nxrflihH1c1r6kaa9o3_1280

Com toda certeza você (se é assim como eu), ama ver posts, vídeos, paineis no pinterest e instagrams de decoração e reforma certo? Só que antes que você entre em uma grande reforma toda empolgada com tantos posts sobre o assunto, eu preciso te alertar de alguns lados nada glamurosos que todo mundo esquece de te avisar. Então vamos por tópicos:

1 – Reforma exige grana, as vezes muita, as vezes pouca. Mas você sempre vai precisar dela. E como acredito que você assim como eu, trabalhe duro para conseguir cada centavo seu, é melhor começar a economizar. Então vamos lembrar que o Sushi todo sábado, aquele livro novo em promoção, uma roupinha nova ou até um item de decoração super fofo que você nem lembra como comprou, não vai fazer parte da sua vida por alguns meses (eu ainda sofro com o sushi, seu dinheiro pagou alguns sacos de cimento).

2 – Material de construção será seu nome do meio. Você fará amizade com a atendente e começará a falar sobre coisas que você nem sabia que existia. Juntas, canos, cimento. Vai entender que areia se vende em metro e que podem entregar o seu vaso sanitário errado e você vai ter brigar por causa disso (ainda vou fazer um post sobre isso).

3 – Você vai precisar brigar as 8h da manhã. Se você é de áries e ama uma treta, se joga na reforma amiga! Mas sabe, eu sou capricorniana, sou mais mão de vaca que qualquer um. Então imagina… pedir desconto virou rotina e ter responsabilidade na hora de conferir notas e brigar pelo que você quer é algo muito normal agora. Com tendência as pessoas vão querer te oferecer O QUE ELAS GOSTAM ou fazer O QUE ELAS QUEREM. E infelizmente se você não sabe assentar tijolos ou colocar lajotas, vai precisar dessas pessoas. Se fazer ouvir e explicar que você gosta de jeito x, faz parte do trabalho.

4 – Você vai ter que lidar com a sujeira. Não é algo que você pode simplesmente evitar. Ela está ali, por todos os lugares.

IMG_3951

5 – A bagunça também.

IMG_1620

6 – Prepare o sistema nervoso e o chá de camomila, pois obras dão errado. Ninguém é capaz de medir tudo o que pode acontecer, o gasto a mais ou algo que você não imaginava que existia. As vezes, você vai ficar nervoso e vai querer jogar tudo para o alto, mas não tem como voltar atrás. A melhor coisa é pensar que no final, tudo vai valer a pena.

7 – Vai ser mais difícil se você for mulher (conta uma novidade, ANNA!). Geralmente as pessoas não vão te levar a sério, vão falar com o homem que tiver do seu lado, mesmo que ele seja mais novo que você. Não acham que você consegue escolher o melhor chuveiro, cano ou piso para a casa (de brinde, vão querer te enganar).

8 – Você começa a ter prioridades diferentes: Sabe aquele abajur lindo de quase 200 reais na tok stock? Bem… isso é o valor do seu novo vaso e da sua nova pia de banheiro, as prioridades vão mudar e você vai pensar mais quando olhar algo lindo na etna.

9 – No final das contas, não é tão chato quanto você pensa. E é um processo de amadurecimento. Você começa uma obra sendo uma pessoa, no final é completamente outra, pois isso te ensina muito mais sobre as pessoas.

xoxo!

No Comments

Leave a Reply